20070702

Há uma luz lunar que ilumina o mar...


[...]


Há uma luz lunar que ilumina o mar

e esparge pela areia pela maré cheia

o poema de espuma que lhe cabe recitar

e me fala das cinzas a que se reduz

o céu breve e restrito de uma noite


[...]


Ruy Belo, Um Dia Uma Vida

4 comentários:

Sam Well disse...

Fénix renasceu das cinzas...

avelaneiraflorida disse...

A fénix sempre renascerá...

Ema Pires disse...

O texto é lindo, mas a fotografia é algo incrível, em particular para mim que sou uma grande apaixonada pelo mar.

Bjos.

inês leal, 31 anos à volta do sol disse...

"o poema de espuma que lhe cabe recitar"...***

e a imagem...* só me apetecia entrar por ela adentro...*