20070705

nestas horas...


[...]


Desço os degraus da casa e da terra.

Fecho os olhos.

E por dentro da sua cor,

por dentro da sua luz verde,

esses olhos partem para o mar,

quando o crepúsculo cai do outro lado dos espelhos



[...]

José Agostinho Baptista, Esta Voz É Quase o Vento

2 comentários:

Sam Well disse...

J. A. Baptista: também gosto muito...

avelaneiraflorida disse...

os poetas sabem dizer...o que nós humanos apenas conseguimos sentir!