20080204

Trazido em mão...pela Amiga T.O.

E de mais este MIMINHO ...passo a transcrever:

[...]

Apenas em 1879, quase três séculos após a minha morte, com a primeira publicação, em Portugal, Da Fábrica Que Falece À Cidade de Lisboa, se soube dos meus esforços para erigir o Aqueduto das Águas Livres. Mas mesmo após a minha partida do reino dos vivos, jamais deixei de acompanhar, com anseio e paixão, como se vivesse, todas as tentativas para construir este Aqueduto.Somente durante o reinado de D. João V, no segundo quartel do século XVIII, pude ver a formar-se um rio de pedra para saciar a sede do povo da capital do Reino. Mesmo sem as emoções de um mortal, velei e desassosseguei-me com os avanços e recuos, com as intrigas e tropelias, daquela que foi a primeira obra públicade Portugal, feitaà custa do povo, mas comum satisfação dele. Afortunado me senti no momento em que, finalmente, as águas despejadas pelo espaço de dois séculos correram em Lisboa, vindas da Fonte das Águas Livres, por meio de aturado trabalho de vinte anos a arrasar e a perfurar outeiros na extensão de nove mil passos.
É esta a história que vos desejo contar.
FRANCISCO D'OLLANDA

10 comentários:

Posithivo disse...

Estou aqui para agradecer, do fundo do coracao, as amaveis palavras que deixou ao meu ultimo post publicado no blog Sidadania. As suas palavras fazem-me sentir maior e mais feliz. Bem haja.

Sophiamar disse...

Uma sugestão excelente que não deixarei de comprar.Fiquei cheia de curiosidade.

Beijinhosssss

avelaneiraflorida disse...

POSITHIVO,

apenas escrevo o que sinto!!!! Nada a agradecer!!!!
Força para os dias!!!! E que a VIDA seja um desafio CONSTANTE!!!!

Bjkas!!!

avelaneiraflorida disse...

Querida Sophiamar,

os meus Amigos "estragam-me"!!!!!!

E a minha pilha de leituras CRESCE!!!!!!!

bjkas, amiga!!!

papagueno disse...

Sempre boas leituras. Um livro é dos melhores presentes que se pode oferecer a alguém.
bjks

avelaneiraflorida disse...

Amigo Papagueno,

Ler faz parte de mim...se bem que ultimamente, enfim!!!!!
mas a minha pilha de "oxigénio" vai crescendo...mesmo à custa de alguns "rombos" no orçamento!!!!!
BOAS LEITURAS!!!!

Bjkas!!!

Fátima disse...

Amiga avelaneiraflorida,

Excelente sugestão.

:-) Beijinhos amiga

avelaneiraflorida disse...

Querida Fátima,

um livro que me está a deixar "em pulgas" ...mas que tem outros á frente!!!!!!

bjkas, amiga!!!

Brancamar disse...

Obrigada pelo "cheirinho" que deixaste sobre a construção do Aqueduto das Águas Livres. Sabia alguma coisa mas pouco e não vou deixar de tomar nota desta obra, embora tenha muita leitura pendente.Como contigo a pilha cresce e o tempo não.
Beijinho

avelaneiraflorida disse...

Eu tenho amigas que me querem ver "soterrada" sobre toneladas de papel!!!!!

Mas este tmabém vale a pena!!!!
Bjkas!!!