20080229

Como ressoam...


Como ressoam os remos,

ó mãe, na água,

com os frescos ventos

da manhã clara!

Como ressoam os remos

de ouro e marfim,

com o vento fresco

do senhor S. Gil!

Como ressoam os remos

de ouro e cristal,

com o vento fresco

do senhor S. João!

Como ressoam os remos

de prata e ouro

com o doce nome

do bem que adoro!


Poesia de tipo tradicional

in Antologia da Poesia Espanhola das Origens ao Século XIX
Imagem (C) Michael Cheval

12 comentários:

Maria disse...

É preciso recuperar e cuidar a história dos poemas. Boa divulgação, bem escolhido. Fico curiosa com esta antologia, procurarei...

Um beijo e um óptimo fim-de-semana!

JOY disse...

Minha amiga

Tenho andado Fugido ,mas passei hoje pra ler um dos teus poemas ,e te desejar um bom fim de semana.

Fica bem
Joy

Ad astra disse...

amiga linda e querida

ja vim por os comentários atrasados em dia...sim os comentários...que a leitura esta é obrigatória, mesmo que de fugida

Um beijo e com sempre escolhes sempre o melhor para nós

beijo grande

Lata Mágica Recife disse...

Cidade do Recife.
Gostarimos que você desse uma olhada no nosso trabalho experimental.

Um forte abraço dos amigos da Lata Mágica Recife.
As nossas fotos são tiradas com latas de leite.

Willam & Odilene

SILÊNCIO CULPADO disse...

Avelaneiraflorida

Hoje respondo a este comentário com um poema do Conde Vimioso sec. XV escolhido para ti.

A vida sem ver-vos
é dor e cuidado,
que sinto dobrado,
querendo esquecer-vos.
Porque, sem querer-vos,
já não poderia
viver um só dia.

Beijinhos

avelaneiraflorida disse...

Querida Maria,

a perpetuação da memória é um dever de todos nós!!!

Bjkas!!!

avelaneiraflorida disse...

Amigo Joy,

é sempre bom o regresso dos amigos!!!!
UM BOM FIM DE SEMANA!!!

Bjkas!!

avelaneiraflorida disse...

Querida Ad Astra,

todos andamos com o tempo apressado!!!!
Fica descansada...esta mesa aqui estará!!!

Bjkas!!!

avelaneiraflorida disse...

Lata mágica,

terei o maior gosto em visitar o vosso cantinho!
Bjkas!!

avelaneiraflorida disse...

Querida Lídia,

Brigados!!!!!
Poesia do conde de Vimioso que é quase um desconhecido...não o merecendo ser!!!
Bjkas!!!

Méon disse...

Como ressoam tão belos estes versos!

Bom dia!

avelaneiraflorida disse...

Méon,

apenas isso...ressoam!
Dia Bom também para ti!