20080314

acordar...


Feliz de quem passou, por entre a mágoa

E as paixões da existência tumultuosa,

Inconsciente, como passa a rosa.

E leve como a sombra sobre a água.


Era-te a vida um sonho, indefinido

E ténue, mas suave e transparente...

Acordaste...sorriste...e vagamente

Continuaste o sonho interropido.


Antero de Quental,

Zara

16 comentários:

papagueno disse...

Ainda estou a tentar acordar, bom dia!
Era a minha vida um sonho, indefinido. Até tenho por lá uma foto desses tempos :)
Bjks

António Inglês disse...

Avelaneiraflorida

Bom dia. Tem toda a razão para estar zangada comigo pois tenho vindo pouco a casa dos amigos.
Eu passei por entre a mágoa e as paixões da existência tumultuosa, mas não sei se inconsciente se consciente. Talvez algumas vezes tenha passado ao de leve mesmo como a sombra sobre a água e de forma inconsciente. Noutras penso estive bem consciente.
Mas levo um pouco a vida de uma forma menos comum, ou seja, vivo feliz e contente mesmo até ao momento exacto de ter de me preocupar com o problema que se me depara. Custa menos assim.
Um beijinho cheio de vergonha, acompanhado de milhões de pedidos de desculpa pelas ausências que vou tendo. Desejo um óptimo fim de semana.
António Inglês

Vieira Calado disse...

Era grande poeta.
Não conhecia este poema.
Obrigado.
Beijinhos e bom fim de semana.

Maria disse...

Sonhar sempre, pelo dia fora, com as poesias do sonho da noite. Grande Antero de Quental. Beijinho.

avelaneiraflorida disse...

Amigo Papgueno,

que seja igualmente bom o resto do teu dia!!!!
E que os sonhos continuem...
Bjkas!!!

avelaneiraflorida disse...

Amigo António,
Como poderia eu estar zangada??????????
Nada que se pareça!!! Eu sei que a vida todos os dias nos traz caminhos para percorrer...
E além do mais, foram vocês, MEUS AMIGOS, que me mantiveram aqui!!!!!
Como poderia zangar-me????
Um bom fim de SEMANA!!!!
Bjkas!!!

avelaneiraflorida disse...

Caro Vieira Calado,

estamos de acordo...um grnade POETA!!!
Bom fim de semana, também!!!!
Bjks

avelaneiraflorida disse...

Querida Maria,

mas que os sonhos se não percam de nós...

Bom fim de Semana!!!
Bjkas!!

Maria disse...

vagamente, apenas, quando a vida deveria ser vivida intensamente (os sonhos também... :))

Beijos

SILÊNCIO CULPADO disse...

Avelaneiraflorida
O grande Antero de Quental sabia o que dizia. Lindo poema.

Hoje é o dia da poesia. Comemoro-o com este poema, que te deixo, de Eugénio de Andrade:

Tudo me prende à terra onde me dei
O rio subitamente adolescente,
A luz tropeçando nas esquinas,
As areias onde ardi impaciente.

Tudo me prende do mesmo triste amor
Que há em saber que a vida pouco dura
E nela ponho a esperança e o calor
Duns dedos com restos de ternura.

Dizem que há outros céus e outras luas
E outros olhos densos de alegria
Mas eu sou destas casas, destas ruas,
Deste amor a escorrer melancolia.

Beijinhos

Brancamar disse...

Olá Avelaneira,
Es estou como o António, já houve dias em que conseguia vir cá quase todos os dias, últimamente tem sido diferente, mas mal cheguei encontrei andorinhas em liberdade e hoje este "Acordar", que posso desejar mais? A porta estava aberta de par em par com os mais belos manjares e a minha alma deliciou-se...
Obrigada Amiga

veritas disse...

tocaste-me ao anoitecer...com um dos meus poetas preferidos, desde a adolescência...deixo-te um beijo ao deitar.

Bjs. Bom fim-de-semana.

Carminda Pinho disse...

E não é pelo sonho que continuamos?
Como poderíamos proseguir se não continuassemos a sonhar?

Beijos

Sophiamar disse...

Querida Avelaneira Florida

A fazer noitada, venho deixar-te beijinhos e beber da tua poesia.

amigona avó e a neta princesa disse...

Às vezes o acordar é doloroso! que o teu seja sempre radioso...beijocas, querida...

Sophiamar disse...

Amiga!

Hoje, dia 15 de Mar�o, estou muito ocupada. Vou a correr abra�ar e beijar a Primavera.

Mil beijinhossssssss