20080521

Madrigal


A minha história é simples.

A tua, meu Amor,

é bem mais simples ainda:


" Era uma vez uma flor.

Nasceu à beira de um Poeta..."


Vês como é simples e linda?


( O resto conto depois;

mas tão a sós, tão de manso,

que só escutemos os dois.)


Sebastião da Gama
in Cabo da Boa Esperança
Imagem(C) medievaltapestry

12 comentários:

Méon disse...

Sebastião da Gama!
Sim, «pelo sonho é que vamos!»

Dia bom, Avelã!

Luís Galego disse...

Bem, se os poetas não existissem tão mais feio este mundo seria...gosto particularmente do retoque final do poema.

samuel disse...

Que coisa tão bonita!

Abreijo

jasmimdomeuquintal disse...

por isso adoro o Sebastião da Gama e como diz méon "pelo sonho é que vamos, chegamos, não chegamos? pelo sonho é que vamos..."
bom feriado.

Ema Pires disse...

Lindas poesias e lindissimas imagens. Sempre é um prazer andar por aqui.
Beijinhos

avelaneiraflorida disse...

Amigo Luís,

O mundo precisa dos poetas...e nós também!
caso contrário o SENTIR não teria significado!!!!

Que viva a POESIA!!!

avelaneiraflorida disse...

Amigo Samuel,

e as coisas bonitas alegram os nossos dias!
Um bom feriado!!!
Breijkas!!!

avelaneiraflorida disse...

Méon,

Viveremos os dias...no SONHO!
Dias BONS!!!!!

avelaneiraflorida disse...

Jasmindomeuquintal,

Chegaremos sempre...enquanto soubermos viver os SONHOS!!!
Bom feriado, também!!!!
Bjkas!

avelaneiraflorida disse...

Querida Ema,

Brigados pela presença, pelas palavras!!!!

É tão bem ter os Amigos nesta Mesa!!!!
Bjkas!!!

Ad astra disse...

adoro Sebastiao da Gama, este poema especialmente, mas tu sabes...
eu sei que tu me entendes

Beijo amiga

avelaneiraflorida disse...

Querida AD ASTRA,

e Sebastião da Gama sabia como dizer...

Bjkas!!!