20070913

Vislumbre


A horas flébeis, outonais -
Por magoados fins de dia -
A minha Alma é água fria
Em ânforas d'Ouro...entre cristais...
Mário de Sá-Carneiro,
Poesia Completa
Imagem (c) Décio Soncini

10 comentários:

Maria Faia disse...

Querida Amiga,

Mário de Sá Carneiro escreveu com doce sensibilidade, os sentires de seres que somos nós.

Adorei a escolha.

Beijinho
Maria Faia

papagueno disse...

O grande Mário, sempre triste...
Beijinhos

avelaneiraflorida disse...

Querida Maria Faia,


Nem sempre os dias são alegres ...e aí estão os poetas a darem voz ao nosso sentir!!!!

Bjks

avelaneiraflorida disse...

Papagueno,
porque a Vida também sente...e o poeta sabe-o melhor do que ninguém!!!

BJKS

black cat disse...

LINDO! gosto imenso de Mário de Sá Carneiro!

PS: para quando algo de Florbela Espanca? :-)

Ema Pires disse...

Lindo, lindo, nostálgico, triste... Tudo expressado em tao pocas palavras. E a imagem acompanha maravilhosamente bem.
Beijinhos

avelaneiraflorida disse...

Black Cat,

Se fores à lista das ETIQUETAS encontras 3 posts sobre Florbela!!!
Mas...como também adoro Florbela, eu faço-te a vontade e brevemente ela aqui estará de volta!!!!!

Bjks!!!!

avelaneiraflorida disse...

Querida Ema!

Que bom a tua presença!!! Sei que o teu tempo é muito escassso...

Continuação de Bom trabalho!!! e descanso...sempre que for possível!!!!!

Bjks

Fátima disse...

Amiga,
Sentimentos à flor da pele...lindo!

BOM FIM-DE-SEMANA

Beijinhos

avelaneiraflorida disse...

Amiga Fátima,

Uma grande verdade!!
Um BOM FIM de SEMANA, TAMBÈM PARA TI!

Bjks